Home
      Quiropraxia
      Acupuntura
      Consultório
      Formação
      Links
      Mapa
      Contato

 

Eficenter
1 - O que é a Quiropraxia?

2 - Histórico Breve da Quiropraxia

3 - Origem da palavra quiropraxia

4 - O que é ajustamento ou manipulação articular?

5 - Quais são os efeitos imediatos do ajustamento ou manipulação articular?

6 - Que condições clínicas que a Quiropraxia pode tratar?


1 - O que é a Quiropraxia?

A Quiropraxia é uma profissão na área da saúde. A Quiropraxia é uma profissão independente como acontece em diversos países.

A Quiropraxia é uma profissão de atendimento primário. Nos países onde está regularizada, o paciente pode consultar-se com o quiropraxista diretamente, sem a necessidade de ser encaminhado por outro profissional na área da saúde. Cabe assim, ao Quiropraxista examinar o paciente e verificar se ele tem um problema que deve ser tratado com Quiropraxia ou necessita de um encaminhamento para outro profissional na área da saúde.

A Quiropraxia trata principalmente de problemas neuro-músculos-esqueléticos, assim sendo alterações nas articulações, tendões, ligamentos, músculos, bursas, discos, etc. Quiropraxista também tratam problemas nos nervos, mas somente se estes estiverem sendo influenciadas por condições músculo-esqueléticas.

As terapias manuais são a principal meio de tratamento com Quiropraxia, mas a manipulação articular ou ajustamento quiroprático é a principal forma de tratamento. Além disso, os Quiropraxistas são habilitados a dar orientação sobre atividades, hábitos saudáveis e estilo de vida e orientação ergonômica.

Os quiropraxistas não prescrevem medicamentos nem realizam cirurgias ou outros procedimentos invasivos.

A definição de Quiropraxia, proposta pela Federação Mundial de Quiropraxia (WFC), é a seguinte:

“Profissão na área da saúde que se dedica ao diagnóstico, tratamento e prevenção de alterações mecânicas do sistema neuro-músculo-esquelético e os efeitos destas alterações sobre a saúde em geral. Há uma ênfase em terapias manuais, incluindo a manipulação ou ajustamento articular”.

 Voltar

2 - Histórico Breve da Quiropraxia

A quiropraxia iniciou em 1895, em Davenport, Iowa através do canadense Daniel David Palmer. Harvey Lillard chegou ao consultório de D.D Palmer explicando que a 17 anos atrás, quando, ia se curvar, sentiu algo em suas costas e que quase imediatamente perdeu a audição. Na época D.D Palmer trabalhava com magnetoterapia, mas não houve sucesso. Ao examinar o paciente mais detalhadamente, ele encontrou uma vértebra proeminente e dolorida na região da torácica superior e este era justamente o local onde Harvey Lillard se machucara. Então foi realizada uma pressão manual específica na vértebra em questão, após este evento Lillard começou a ouvir novamente. Este evento seria a primeira manipulação articular. Logo depois disso, ele foi procurado por um paciente cujo problema cardíaco não estava respondendo ao tratamento médico convencional. D.D Palmer examinou a coluna e encontrou “uma vértebra deslocada pressionando contra os nervos que serviam o coração”. Ele manipulou (ajustou) a vértebra e a condição começou a imediatamente melhorar. Embora esses dois casos marcaram o início da Quiropraxia, os problemas músculo-esqueléticos que na verdade são comprovadamente eficazes em estudos científicos.

Por volta de 1897, a Escola Palmer de Quiropraxia estava oferecendo cursos que duravam no máximo 6 meses. Com o desenvolvimento da profissão, uma formação mais sólida era extremamente imprescindível. Por esta razão foram criadas cursos de nível superior, com cerca 5 anos de duração (ou equivalente em carga horária) e todos seguem (associados a WFC) um padrão curricular. Duas universidades, seguindo o mesmo padrão norte-americano, foram criadas (ambas reconhecidas pelo MEC) aqui no Brasil : Universidade Feevale(RS) e a Universidade Anhembi Morumbi em São Paulo onde me formei. Clique aqui, para ver a grade curricular do Curso de Quiropraxia.

 Voltar

3 - Origem da palavra quiropraxia

O reverendo Samuel Weed era um dos pacientes de D.D Palmer. Então Palmer, solicitou para o reverendo se conhecia uma palavra grega que significasse “feito com as mãos”? Weed sugeriu Cheiro Praktikos, destas palavras formulou-se “chiropractic”, que em português traduzido seria Quiropraxia (utilizado no meio acadêmico), quiropatia ou quiroprática.

 Voltar

4 - O que é ajustamento ou manipulação articular?

O ajustamento é a principal manobra terapêutica utilizada por Quiropraxista, embora eles não sejam os únicos a utilizar esta técnica. Calcula-se que, nos Estados Unidos, 94% dos tratamentos são realizados por Quiropraxistas. Nas faculdades de Quiropraxia as manobras específicas de manipulação articular são ensinadas com um nível de detalhe, profundidade e precisão como em nenhum outro ambiente acadêmico.

A definição precisa de ajustamento ou manipulação articular é:

“Movimentação passiva de uma articulação com alta velocidade e baixa amplitude, além da amplitude de movimento fisiológico e dentro da integridade anatômica”.

Agora veremos o significado de cada uma destas sentenças:

Movimentação passiva de uma articulação: quem realiza o movimento é o Quiropraxista, não há movimento ativo do paciente.

Com alta velocidade e baixa amplitude: o movimento necessáriamente é muito rápido e curto (ou seja, evitado movimentos longos desnecessários). Realizando o movimento rápido é evitada a ativação da contração muscular que ocorre aproximadamente entre 50 a 100 milissegundos.

Além da amplitude de movimento fisiológico: isto significa que o movimento é realizado além do normal, ultrapassando a barreira elástica e atingindo uma nova amplitude de movimento – a barreira parafisiológica.

E dentro da integridade anatômica: o movimento necessita ser necessariamente curto, pois se for muito longo, além de adentrar na barreira parafisiológica pode haver uma distensão ou lesão dos tecidos articulares e periarticulares.

 Voltar

5 - Quais são os efeitos imediatos do ajustamento ou manipulação articular?

Das várias pesquisas realizados os efeitos imediatos da manipulação articular foi observado algumas alterações fisioloógicas:

Normalização do tônus muscular: tônus muscular significa a intensidade de contração da musculatura. A intensidade tende a se normalizar. É comum observar que a musculatura ao logo da coluna fica menos contraída depois de realizado o ajustamento.

Aumento do limiar de dor: aumento da resistência do paciente a dor, ou seja, a dor do paciente é reduzida.

Aumento da amplitude de movimento: a articulação ajustada tem a possibilidade de mover mais do que previamente.

Liberação de endorfinas: há certa tendência de aumentos dos níveis de endorfina na circulação sangüínea. As endorfinas são substâncias liberadas pelo próprio organismo e possui propriedades de amenização da dor (analgésicas).

 Voltar

6 - Que condições clínicas que a Quiropraxia pode tratar?

Em princípio o tratamento com Quiropraxia pode ser aplicado para quaisquer alterações ditas “funcionais” que afetam o sistema músculo-esquélético. É preciso certificar-se, que, entretanto, que não haja contra indicações para o tratamento quiroprático.

As condições ou alterações funcionais são mais bem definidas como biomecânicas do sistema músculo-esquelético. Por exemplo: pessoas com dores em diversas regiões do corpo humano, decorrentes do uso excessivo, uso repetitivo ou uso incorreto do corpo: lombalgias por má postura ou atividades como carregas pesos; dores nos braços decorrentes de atividades como uso prolongado no computador; dores no ombro decorrentes de esportes como tênis, etc...

 

 Voltar

  Quiropraxia e Acupuntura - Dr. Leonardo Güttler
Rua Muenchen, 130 - Ponta Aguda - Blumenau SC
Fone: 47 3322-8253 3340-7727(fonefax) 9989-2691